domingo, novembro 06, 2005

Presidotretas

Mais uma vez… E lá estamos nós em campanha para as presidenciais… Pelo menos estas têm uma característica bem especial, vão servir para medir o grau de estupidificação dos Portugueses. Vamos ficar a saber se ganha o papa (P) ou o pai do monstro (PM).

Não sei como é que o PM teve coragem de se candidatar. Enquanto foi Primeiro-Ministro, conseguiu começar a destruir o país, em vez de apostar nas pessoas, foi apostar no betão. Não sei como é que aquela cabecinha de Sr. Doutor Professor Economista pensou que a criação de lobbys no país o melhorava a economia e inovação. Não entendo como é que depois de ter criado o monstro que se vive neste momento, ainda vai a presidenciais dizendo que ama o país. Ora, se amasse tanto o país, não tinha feito as asneiras que fez, e pelo menos mantinha-se no seu canto…
O que me choca ainda mais, são os seus carneirinhos ou discípulos que afirmam que sua excelência não fez nada disso, sua excelência fez o melhor, fez o progresso, o que é anedótico. Pelo menos, a campanha do Sr. Advogado que defende o pedófilo mor sempre é mais consistente. Ou menos este não esconde aquilo que é…

Em relação ao P, este tem na Presidência da Republica uma boa maneira de gozar a velhice. Realmente, o P a representar um país falido, um país em que o governo mascara uma situação de caos económico com palavras lindas tais como inovação tecnológica, é mesmo para nos mandar rezar para que apareça um anjo salvador…

A minha conclusão é que se ganha um ou outro, é uma prova irrefutável que os Portugueses conseguem ser ainda bem mais estúpidos que os americanos.

Amanhã ou logo há mais!

Adios!

Pipinha

3 Comments:

Blogger botinhas Escreveu...

A crítica a PM é fácil, mas diz lá que não gostas de ter uma autoestrada até à porta de casa?
dizendo que ama o país
Estás-te concerteza a esquecer do Beatdo do Convento (BC). O BC é que tinha paixões, o BC é que era o salvador dos ideais socialistas, o BC é que se pôs a andar por causa de um pântano político...
A minha escolha já está feita, eu voto SP! (Salvador da Pátria aka Paulo Portas)

4:12 da tarde  
Blogger Bocaje Escreveu...

É uma perspectiva gira de se ver, o problema reside no facto de que o principio da estupidez aplicasse a todos os aspectos da vida politica e da reacção das pessoas. Vivemos num fascismo democrático.

9:58 da tarde  
Blogger Bocaje Escreveu...

É uma perspectiva gira de se ver, o problema reside no facto de que o principio da estupidez aplicasse a todos os aspectos da vida politica e da reacção das pessoas. Vivemos num fascismo democrático.

9:59 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

/body>